sábado, 8 de janeiro de 2011

Descoberto insecto sem olhos e sem asas no Algarve

Foi descoberta uma nova espécie de insecto, sem asas e sem olhos, em grutas do Algarve por uma bióloga portuguesa.
“Esta descoberta acrescenta uma nova ordem à fauna cavernícola portuguesa, uma vez que não se conhecia nenhum dipluro (insecto) exclusivamente cavernícola em Portugal”disse a Bióloga Sofia Reboleira à agência Lusa.
Estes tipos de insectos (dipluros) pertencem a um grupo designado por apterigotas (sem asas) que não possuem olhos “e vivem associados ao solo e em cavidades.”
Este insecto descoberto em grutas do Algarve foi encontrado no âmbito do doutoramento da bióloga.
Litocampamendesi é o nome deste estranhíssimo insecto, mede pouco mais de três milímetros e deverá existir há milhões de anos, sendo "evolutivamente um precursor dos insectos actuais", explica Sofia Reboleira.
Litocampamendesi é assim "o representante mais ocidental do género Litocampa na Europa, cuja espécie mais próxima se encontra nas grutas da Cantábria", sublinha a bióloga.
Esta espécie torna Portugal um país interessante para procurar novas espécies, mais propriamente a nossa região.

Fonte

Os alunos do 10º A: Jéssica Gomes, Tiago Rio, Vera Marreiros, João Correia, Pedro Costa.

Sem comentários: