sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Dieta Mediterrânica Versus Alzheimer

"Certos alimentos da dieta mediterrânica, como nozes, tomate, peixe, carne de aves, repolho, brócolos e couve-de-bruxelas, reduzem o risco de sofrer de doença de Alzheimer, adianta um estudo norte-americano.
Os investigadores seleccionaram 2148 homens e mulheres com 65 anos ou mais, sem demência, e acompanharam-nos durante cerca de 4 anos.
Os participantes forneceram os dados sobre a sua dieta e foram observados por especialistas em problemas neurológicos a cada ano e meio.
Em 4 anos, 253 indivíduos desenvolveram a patologia. Estes indicaram uma dieta mais pobre em fruta, vegetais, peixe e nozes e mais rica em carne vermelha, vísceras e produtos lácteos gordos.
Os cálculos estatísticos comprovam que os ácidos gordos ómega 3 e 6, por exemplo do salmão, a vitamina E, dos legumes de folha verde, e o ácido fólico, dos cereais integrais, estão associados a um menor risco de demência. Pelo contrário, as gorduras saturadas e a vitamina B12 em excesso, aumentam a probabilidade.
Os resultados confirmam que a alimentação equilibrada é meio-caminho para manter o corpo e a mente saudáveis.
As actividades lúdicas que estimulam o cérebro também ajudam: jogos de cartas, pintura, palavras cruzadas e exercícios de memória, são uma boa aposta."
Esta é sem dúvida mais uma das virtudes da dieta mediterrânica que tanto tem sido desprezada pelas novas gerações!!

Fonte

Imagem

Sem comentários: