terça-feira, 7 de outubro de 2008

Energia das Ondas

"Parque de ondas pioneiro na Póvoa do Varzim"

"O primeiro parque mundial de aproveitamento da energia das ondas foi inaugurado terça-feira ao largo da Póvoa de Varzim, num investimento global superior a 8,5 milhões de euros.
O projecto pioneiro, da responsabilidade da Enersis e da escocesa Ocean Power Energy (OPD), que é o parceiro tecnológico, terá capacidade para produzir, numa primeira fase, energia eléctrica suficiente para alimentar uma povoação com cerca de seis mil habitantes.
Nesta primeira fase, foram instaladas três máquinas de aproveitamento energético, com capacidade para produzirem 750 kilowatts (kw) cada uma, o que permitirá uma produção média anual de sete gigawatts por hora (Gwh). Uma segunda fase do projecto prevê que a capacidade de geração de energia possa ascender a uma produção média anual de 21 gigawatts por hora, o que permitiria fornecer electricidade suficiente a cerca de quinze mil habitantes.
A energia produzida pelas ondas do alto mar, consideradas mais estáveis do que as ondas de rebentação, é depois encaminhada através de um cabo submarino para uma subestação de ligação à rede eléctrica. Naturalmente, todo o processo depende, e está sujeito a, factores meteorológicos. O desafio, e a razão porque até aqui os projectos de energia das ondas têm sido encarados com cautela, passa por perceber se as máquinas instaladas têm capacidade para suportar a violência das ondas.
O investimento neste projecto é financiado em 15 por cento por apoios públicos, sendo o restante integralmente assumido pelos dois parceiros envolvidos, a Enersis e a OPD."

Veja aqui um vídeo
Fonte: Surf Portugal

Como podemos constatar o espírito inventivo do Homem vai muito além da utilização dos combustíveis fósseis para obter energia...
Espero que esta e outras alternativas retirem, rapidamente, o petróleo das nossas vidas!

Sem comentários: